Fotos: Sergio Baia  Make: Walter Lobato  Stylist: Rapha Brick

Como será sua nova personagem em “Verão 90 Graus”?

 

A Madá é uma mulher com muita sensibilidade que pratica esoterismo, joga tarô, estuda os astros...Tem visões, ama a natureza e seu marido Álamo (Marcos Veras) eles têm um estilo de vida bem natureba, trazem o desapego e a filosofia krishna Hippie e são muito apaixonados um pelo outro.

 

Você parece não ter tempo de descanso e emenda um personagem atrás do outro. Qual papel que você gostaria de fazer e que ainda não teve oportunidade?

 

Confesso que sou um pouquinho “workaholic”, mas tenho graças a Deus saúde e disposição. Gostaria de fazer uma personagem mais durona, meio policial ou uma vilã para adultos, já que acabei de fazer uma bruxa no “DPA2 “, e gostei de fazer a malvadinha kkk

 

Como é fazer e produzir cinema no Brasil?

 

Difícil, mas não impossível! Quando temos uma boa história para contar, muita gente quer contar junto. Uni forças e acreditei. Já fiz muita coisa com recurso próprio, dessa vez, tive a sorte de ter bons parceiros como a Globo filmes e a Downtown atrelados à Z4 e FK produções. Não sei fazer nada só! Sou uma pessoa de time!

 

 

box-04-2-fabiana.jpg

Como foi nomeada a Embaixadora da Paz para o Brasil?

 

Tenho 2 filhos que têm cidadania italiana e sempre me envolvi em causas sociais e me interessava em saber a respeito da Ordem dos cavaleiros cruzados. Então, depois de eu sofrer situações de violência no meu país e mesmo assim eu persistir em continuar vivendo aqui e me envolvendo em projetos importantes no Brasil, e continuar levando alegria para as pessoas através da minha arte, eles me convidaram para ser “Embaixadora da Paz” e recebi a Palma de ouro recebido por Mandela e Michael Jackson. Me senti muito honrada.

 

Além de atriz e comediante, você também é uma escritora reconhecida. Como será seu terceiro livro Mães com Açúcar?

 

Sempre gostei de culinária, de estar na cozinha com minha família nordestina...E durante a gravação de “Uma pitada de sorte” onde sou sub chefe, eu tive vontade de trazer à tona as minhas memórias de infância na casa da minha avó, com seus cheiros, suas receitas...E então vou fazer um livro chamado “mães com açúcar” que nada mais é do que uma livro de receitas das nossas avós, porque as avós são mães com açúcar, e vou catalogar pratos de pessoas que têm um prato cheio de afeto e uma relação de afeto com a avó pra todo mundo desfrutar e se lembrar, e trazer à tona memória da casa da vó.

 

Desde que surgiu na mídia, você nunca escondeu que está de bem com seu corpo. Sua relação com ele sempre foi assim? Já sofreu por conta do sobrepeso?

 

Sempre tive autoestima alta, e sempre fui vaidosa, mas nunca fiz apologia à gordura. Só acho que nos tempos atuais com a internet e os haters, as pessoas se preocupam mais com a opinião dos outros. Isso não vale muito para mim. Sou muito amiga do meu espelho.

box-04-2-fabiana-5.jpg

Como venceu o preconceito e sempre estar cheia de trabalhos?

 

Tenho tudo para ser alvo de preconceito: Sou nordestina, gorda, comediante e mulher, mas nunca me senti preterida ou sofri preconceito...Se tentaram, não percebi. Pelo contrário! Tudo isso, é a receita do meu sucesso (Risos).

 

Você já sentiu preconceito ou desrespeitada por ser gorda?

 

Não que eu tenha percebido. As pessoas sempre me elogiaram. Sou vaidosa, mas não sou perua!!  Acho que a minha forma de ser inibe as pessoas de vomitarem seu preconceito...Pelo menos na minha frente.

 

Recentemente você falou que perdeu 20 kg. Como foi sua dieta? O que fez?

 

Tudo pela minha saúde sempre!! Tenho resistência à quebra de insulina, hipotireoidismo e comecei a tratar com medicamentos e fazer consumo de dieta VLC, só que não podemos usar por muito tempo esses alimentos então depois disso a minha nutricionista Dra Luna Azevedo me passou uma outra dieta mais rica em proteínas, mas com tudo o que eu gosto. Não tenho mais paladar infantil e amo frutas, grãos, raízes...Meu vilão ainda é o pão. Vai ser assim para sempre. Temos que entender que isso é um movimento constante em prol da nossa saúde.

 

Qual é a importância do empoderamento feminino que está tão em alta hoje em dia?

 

- Empoderar alguém é sempre uma causa nobre. Conheço mulheres que me enviam mensagens pedindo ajuda para melhorar sua autoestima, conseguir tirar o maio da gaveta e ir à praia no verão ou apenas se aceitar e ter voz para rebater um marido sem noção que a humilha por ela ter engordado. Devemos nos unir, ter amor umas pelas outras como irmãs, mães, filhas e auxiliar umas às outras. Precisamos aprender juntas e ajudar umas às outras sendo menos competitivas umas com as outras. A maioria das pessoas que me atacam na Internet, são mulheres, mas eu continuo auxiliando o público feminino a se libertar de seus pudores sociais e serem mais felizes para exercerem seus papéis de mães, namoradas, boas profissionais no mercado de trabalho de forma feliz e leve.

box-04-2-fabiana-04.jpg

Este mesmo empoderamento tem dado mais coragem às mulheres de denunciar casos de assédio moral e sexual. Você já passou por alguma situação semelhante?

 

Graças a Deus não! Mas sempre eduquei minhas filhas para que elas me falassem se alguém fizesse algo que as deixasse tristes ou constrangidas. Acho que o diálogo sempre é uma grande ferramenta. Precisamos perceber os sinais de violência por menores que sejam e amparar e encorajar a vítima. Convence-la de que violência não é normal.

Como foi seu noivado com Diogo Mello?

 

Foi um processo natural já que estávamos namorando e levei ele pra conhecer meu pai que tem Alzheimer e num rompante de lucidez de meu pai, ele pediu que o Padre Everton de Castro Alves, que sempre vai à casa do meu pai pra dar uma benção especial e o recebe todos os domingos na missa, nos abençoasse e aí a gente considerou um noivado. Foi muito emocionante.

 

Recebeu a aprovação dos filhos? Como eles reagiram?

 

Sim! Acho que não conseguiria ter na minha vida alguém que não se desse bem com meus filhos. Eles são parceiros kkk Diogo também tem um filho de 1 e 6 meses que também me adora, e eu a ele. Então tá tudo certo.

 

O Diogo é ciumento? Como é a relação dele com sua profissão?

 

Acho que somos um pouquinho kkk Ele ainda não curte a ideia de eu ter par romântico e diz que não vai assistir à novela pra me vê beijando outro kk mas já já ele acostuma.

 

Quando pretendem se casar?

 

Ah...Estamos deixando rolar e eu fico com ele em sp e ele vem ficar no Rj...E a gente vai vendo... Tá ótimo assim. A saudade vira um ótimo tempero.

box-04-2-fabiana-03.jpg